PROCESSO DE REGULAMENTAÇÃO MOTOFRETE

(Conforme Lei 12009/09)

 

 

JUNTO AO DETRAN

 

 

CURSO MOTOFRETE : Ir ao DETRAN-PR solicitar abertura  do processo de alteração de dados do condutor – para realização do Curso de Capacitação com EAR e quem já tiver o EAR informar que é só para o curso (vice e versa).

 

 

 

CURSO RECICLAGEM MOTOFRETE: Ir ao DETRAN-PR solicitar abertura  do processo de alteração de dados do condutor – para ATUALIZAÇÃO do Curso Motofrete. (Atentar ao vencimento do E.A.R).

 

**** Ressaltamos aos motociclistas que não possuem a anotação do Curso Especiazado na CNH (cursos realizados entre 2009 e 2014) que deverão solicitar esta inclusão para após abrir o processo de reciclagem.

 

Ir ao local de realização do Curso e solicitar o Certificado do Curso e Declaração de Conclusão do mesmo;

Dirigir se ao Detran mais próximo e solicitar processo de inclusão junto a COOHA (Coordenação de habilitação), apresentando estes documentos.

Só após esta inclusão abrir o processo Reciclagem de Curso.

 

 

VALORES DETRAN:

 

ABERTURA PROCESSO - INCLUSÃO E.A.R E CURSO ESPECIALIZADO

E.A.R (EXERCE ATIVIDADE REMUNERADA)

R$ 262,19

EMISSÃO CNH – (alteração de cadastro):

R$ 85,70

TOTAL DETRAN

R$ 347,89

 

** Declaração de instalação do Baú quando for realizada por meios próprios - Inclusão ou exclusão de dispositivo para transporte de carga, para fins de transporte remunerado em motocicletas e motonetas

 

 PORTARIA Nº 373/2013-DG

 

 

 

JUNTO À URBS – MOTOCICLISTAS QUE RESIDEM EM CURITIBA

 

Cadastro Urbs: Documentação necessária, taxas e mais: https://www.urbs.curitiba.pr.gov.br/transporte/motofrete

 

 

               VALORES URBS

 

Emissão de Licença de Condutor (crachá)

R$ 51,00

Vistoria

R$ 74,00

Solicitação de Troca

R$ 36,00

Certidões diversas

R$ 10,00

Ofício categoria aluguel (DETRAN/PR)

R$ 10,00

 

 

Informações Úteis:

 

 

 

Mudanças necessárias para os Motofretistas conforme legislação.


Para regularização do serviço de Motofrete o Motociclista precisa que sua moto se enquadre também em algumas regras:


•    A moto não pode ter sofrido modificações de nenhum tipo, deve ser original de fábrica
•    A moto deve ter no maximo 10 anos de uso.
•    A Motofrete deve ter a placa vermelha, que indica veículo de carga;
•    Obrigatório equipamentos de proteção como mata cachorro e antena corta pipa;
•    A Motofrete deve ter o baú instalado com as dimensões máximas de 70 cm de altura e 45 cm de largura;
•    Também deverá ter faixa reflexiva.
•    O motociclista deve usar colete com  faixas refletivas.

 


Importância do Motociclista regulamentado


É importante que todo Motofretista, esteja devidamente regulamentado de acordo com as regras vigentes, para que a categoria seja mais respeitada e reconhecida.
 

 

Multa e Apreensão da Moto.


Em casos que o Motociclista não tenha cumprido todas as etapas como explicadas acima e tambem o processo de alteração dos dados do veículo, além da multa que receberá, poderá ter a moto apreendida, de acordo com a interpretação do órgão fiscalizador no momento.